VENHA CONHECER O XTR 9050 SERIES. RODOCICLO REALIZA DIA 02/09 EXCLUSIVO TESTE DO XTR Di2 EM PARCERIA COM SHIMANO.


Depois do sucesso dos grupos de estrada eletrônicos, que começou com o Dura Ace e depois também Ultegra, conhecidos pela sigla Di2, a Shimano investiu no desenvolvimento de um grupo de mountain bike com a mesma tecnologia. Embora seja para nós uma novidade, a marca vem testando o sistema desde o começo de 2013, onde ninguém menos que o francês Julien Absalon, que tem no seu currículo cinco títulos mundiais na modalidade Cross Country, medalhas olímpicas, várias vitórias no Campeonato Europeu e Copa do Mundo de MTB.



Além de Absalon, outros atletas de renome participaram do desenvolvimento, rodando em testes por mais de 20 mil km antes do lançamento oficial. Já com 11 velocidades, acompanhando as tendências dos grupos de estrada, o novo XTR foi projetado para ser mais resistente e robusto, pois seu uso se destina a condições extremas. A potência dos motores que acionam os câmbios é maior que os usados nos grupos de estrada,  prevendo que as mudanças serão feitas em meio a lama e água, onde a lubrificação do sistema estará longe das condições ideais e o atrito dos componentes será maior, sem contar que no MTB as trocas exigem muito mais do equipamento que nos grupos de estrada. Também foi dada atenção especial às vedações dos componentes eletrônicos.



Quando surgiram os primeiros grupos de estrada, onde o Dura Ace deu o "start" na tecnologia, muitas dúvidas e boatos surgiram, especialmente quando se falava em durabilidade e confiabilidade. Desde então a sigla Di2 (Digital Integrated Intelligence) foi se popularizando, especialmente após ser estendida ao Ultegra, segundo grupo na hierarquia da marca japonesa, o que tornou o acesso ao novo sistema mais barato do que na versão top de linha.



Em nossa loja, um dos nossos colegas, Mauríco Pontes, treina e participa competições usando um Ultegra Di2 de dez velocidades, montado sobre um quadro Specialized Tarmac, rodando cerca de 1500 a 2000 km por mês. Já com mais de dois anos, o sistema apresenta perfeito funcionamento e não exigiu maiores manutenções além da troca de correntes e cassete, normais ao uso. 



Recentemente lançados na versão de 11 marchas, o Ultegra e o Dura Ace Di2 continuam fortes no mercado, representando o que há de melhor em tecnologia para componentes de ciclismo. Também marcam presença nas competições mais importantes ao redor do mundo, onde são postos à prova por atletas exigentes. No embalo desse sucesso, o novo XTR entra no mercado como o primeiro grupo da categoria a ter a tecnologia eletrônica. Destina-se ao uso em competições ou usuários exigentes que praticam MTB e procuram componentes belos, robustos, confiáveis e precisos. Tecnicamente falando, as respostas dos novos componentes nos quesitos precisão e agilidade nas trocas foi maior que os do XTR tradicional, que já era considerado excelente. Além disso, a nova tecnologia também deixa o grupo mais limpo e prático no uso, já que dispensa a passagem dos cabos, usados no sistema tradicional. 




O cérebro que comanda todo o sistema é a alavanca chamada de Firebolt. Nela, a troca de marchas ocorre por meio de um botão, com o mínimo de esforço, por meio de conexões ‘plug’n play’. Seu desenvolvimento foi estudado junto a atletas para que fosse ergonômica e muito funcional. Além disso, um painel digital acoplado ao guidão mostra o nível de bateria e informações sobre a utilização das marchas. Como usa a mesma plataforma dos grupos de estrada, conhecida por E-Tube, o sistema permite uma ampla programação das marchas e suas combinações, que pode ser definida pelo usuário. Inverter os botões ou programar mudanças múltiplas também é possível. Outra tecnologia, o Syncro Shift, permite o controle do passador dianteiro e traseiro no mesmo manete.



As configurações do novo XTR também são amplas. O pedivela vem disponível com três, duas ou uma engrenagem, com aplicações para trail (trilha) ou Cross Country, complementado pelo cassete com relação de 11 x 40 dentes. Ainda fazem parte do novo sistema as rodas (para aros 27,5" e 29") e pedais da linha XTR. 



No dia 02/09/2015, os profissionais da Equipe Shimano estarão em nossa loja das 12:00 às 20:00 demonstrando o novo XTR, em uma oportunidade única. Será a grande chance de encomendar seu grupo ou mesmo conhecer mais a fundo a tecnologia disponível e também será possível testar na prática seu funcionamento, mediante agendamento prévio.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail sac@rodociclo.com.br ou pelo telefone 51-3365-3540.

Abaixo segue um vídeo que conta um pouco da história e desenvolvimento do novo XTR 9050 Series.



Uma boa semana e ótimos pedais a todos os leitores!

Equipe Rodociclo


Comentários